sexta-feira, 16 de abril de 2010

A primeira frase do Cristo ressurreto

Mateus 28:8-10 = "(8) E, saindo elas pressurosamente do sepulcro, com temor e grande alegria, correram a anunciá-lo aos seus discípulos. (9) E, indo elas, eis que Jesus lhes sai ao encontro, dizendo: Eu vos saúdo. E elas, chegando, abraçaram os seus pés e o adoraram. (10) Então, Jesus disse-lhes: Não temais; ide dizer a meus irmãos que vão a Galiléia e lá me verão".


INTRODUÇÃO: As mulheres que acompanhavam o Cristo há tanto tempo, Maria Madalena e a outra Maria, foram ver o sepulcro onde elas esperavam talvez, terminar de preparar o corpo de Jesus para seu sepultamento definitivo. Quando elas chegam lá, são recebidas por um grande terremoto e por um anjo que desceu do céu, e que removeu a pedra do sepulcro, sentando-se sobre ela. A Palavra de Deus fala que o seu aspecto era como um relâmpago, e as suas vestes brancas como a neve (v. 3). Os guardas, de tanto medo, fingiram-se de mortos. O anjo então dirige a palavra às mulheres dizendo que não tenham medo, pois ele sabia a quem elas buscavam. Nós também temos que saber a quem nós buscamos e por isso, não podemos ter medo. O anjo mostra as mulheres o milagre: o Senhor já havia ressuscitado. E dá uma ordem para que elas fossem até a Galiléia, porque o Senhor Jesus, o Cristo, já estava esperando por elas lá. Entretanto, quando elas saem correndo do sepulcro, encontram o próprio Messias ressuscitado. Quando encontram o Cristo ressuscitado, imediatamente elas se lançam aos seus pés e o adoram. Vendo-as, Jesus lhes profere as primeiras palavras, de sua primeira frase aos humanos, depois de ressuscitado. Como vamos ver, essa frase é cheia de sentido!

NÃO TENHAM MEDO: As primeiras palavras de Jesus para elas são para que elas não fiquem temerosas. Pelo menos cinco vezes no Evangelho de Mateus, Jesus tem que acalmar o medo dos seus discípulos. Quantas vezes Ele também já acalmou o nosso coração? Antes de ouvir as boas novas, temos que decidir se vamos confiar em Jesus ou não. Antes de responder ao chamado do Senhor, temos que decidir se vamos confiar ou não. Antes de receber as múltiplas bênçãos que Deus tem reservado para nós - é preciso decidir - vamos confiar ou não. Não faltam motivos para ter medo: as pessoas que nos decepcionaram na vida, as feridas que recebemos de amigos e parentes, a perversidade que parece cada vez mais inerente no ser humano. Há motivos de sobra para não confiar em nada e ninguém. Contra tudo isso Jesus manda um recado simples: "Não tenham medo". Você já parou para pensar por que Satanás joga tão pesado com a arma do medo? Pense como teria sido se as mulheres não tivessem avisado, e se os discípulos não tivessem ido ao encontro com Jesus. Já pensou como seria se ninguém tivesse se encontrado com o Senhor e não tivessem crido na história da ressurreição? Se não houvesse testemunhas oculares, homens e mulheres motivados por fatos reais incontestáveis, como teria sido? Uma única decisão determinou a diferença entre um mundo inteiro perdido e a mensagem que até hoje salva incontáveis almas - será que devo confiar em Jesus ou não? E você, qual a sua resposta? Você vai deixar de fazer aquilo que Jesus está lhe chamando a fazer, ou vai confiar nas palavras Dele - "não tenham medo"?

VÃO DIZER: A primeira ordem de Jesus para os primeiros discípulos que ele encontra após o maior evento da história da humanidade é simples: “vão dizer". Há muitas coisas boas que um Cristão pode fazer, mas, uma coisa é absolutamente necessária, que ele vá e fale para outros de Jesus. Muitas vezes, achamos que o fato de não dizer, não vai implicar em conseqüência nenhuma, entretanto, isso é omissão. E omitir é deixar de fazer, dizer ou escrever; é não mencionar. Não agir quando se esperaria que o fizesse, conforme Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa. Quando deixamos de fazer a obra do Senhor isso é omissão. Não falar de Jesus e Sua Salvação às pessoas é omissão. Não passar um e-mail ou escrever uma carta com a Palavra de Deus também podemos dizer que é omissão. Não mencionar o Jesus Salvador é omissão. Muitos estão se perdendo no mundo, indo para o inferno, pois esperam que nós, os cristãos, os ajudemos e nós não os ajudamos, pois cada um está preocupado apenas com seu próprio umbigo. Isto é omissão. A Constituição Brasileira fala sobre um tipo de omissão, que é a omissão de socorro: Art. 135 - Deixar de prestar assistência, quando possível fazê-lo sem risco pessoal, à criança abandonada ou extraviada, ou à pessoa inválida ou ferida, ao desamparo ou em grave e iminente perigo; ou não pedir, nesses casos, o socorro da autoridade pública. Pena - detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa. Em nossa Constituição é crime, e no mundo espiritual? Não permita ser acusado pelo inimigo no dia do juízo por omissão em levar a Palavra de Deus a todos. As pessoas estão em grave e iminente perigo, pois o diabo as ataca constantemente. Você pode escapar da acusação de omissão: falando de Jesus e orando por todos as sua volta, orando por todos que estão à frente da obra de Deus.

AOS MEUS IRMÃOS: Aqueles a quem Jesus envia as irmãs ele chama de "irmãos". Não são apenas discípulos - são irmãos. Apesar da negação e da fuga, Jesus quer que eles saibam que fazem parte da família Dele, a família de Único Deus (Jo 1.12) e que Ele não esqueceu disso. O Senhor Jesus liberou perdão àqueles que o traíram, o abandonaram, o negaram e o seguiram de longe. Além de liberar o perdão, Ele os chamou de irmãos. Ele perdoou até mesmo os soldados que cuspiam em seu rosto e maltratavam dele. Uma das últimas frases de Jesus na cruz foi: “Pai, perdoa-lhes porque eles não sabem o que fazem” (Lucas 23.34). Enquanto nós também não liberarmos perdão às pessoas, não seremos dignos de sermos feitos filhos de Deus e irmãos de Jesus. Você vai permitir que a falta de perdão e a mágoa tirem você da família de Deus?

PARA IREM À GALILÉIA: O que é que Jesus espera dos seus irmãos? Que se dirijam ao lugar onde vão poder encontrá-lo. Esse lugar é a Galiléia, uma das províncias da Palestina. A Galiléia era bastante povoada, e os seus habitantes eram muito trabalhadores, sendo, por isso, uma província rica, que pagava de tributo 200 talentos aos governadores romanos. A Jesus chamavam de “o Galileu”, porque Ele tinha sido educado nessa parte da Palestina, e ali viveu, ensinou as Suas doutrinas, e fez a chamada dos Seus primeiros discípulos. A Galiléia tornou-se um nome de desprezo tanto para os gentios como para os judeus, porque os seus habitantes eram uma raça mista, que usava de um dialeto corrompido, originado no fato de se misturarem os judeus, que depois do cativeiro ali se tinham estabelecido, com os estrangeiros gentios. Por exemplo, quando aconteceu a condenação de Jesus, as pessoas reconheceram o discípulo Pedro pela maneira como falava, pois aquele dialeto indicava a terra do seu nascimento. Para os discípulos, voltar à Galiléia simbolizava voltar às suas raízes, ao lugar do seu chamado, ao tempo onde Jesus lhes ensinava pessoalmente sobre as verdades do nosso Senhor. Esse lugar representava muito para eles. Jesus também quer nos fazer voltar ao primeiro amor e às lembranças de momentos bons com Ele. Entretanto, a Galiléia também foi o lugar onde eles viram Jesus padecer, e por isso, talvez tivessem medo de voltar lá por temor de represálias contra eles. Porém, as primeiras palavras de Jesus foram “não tenham medo” e as últimas são mais reconfortantes ainda “eles me verão ali”.

E ELES ME VERÃO ALI: É muito interessante como as palavras de Jesus são as mesmas que o anjo já havia dito às mulheres. Contudo, na boca do Senhor dos senhores, essas palavras ganham vida e aplicabilidade. Como é maravilhoso saber que antes mesmo de as mulheres avisarem aos discípulos sobre o encontro com Jesus, o Messias já lhes revelava uma coisa - Ele vai adiante. Quando os discípulos chegarem lá, ele já estará. "Lá eles me verão". Às vezes é difícil ver na hora, mas, Jesus vai adiante de nós. Tantas vezes, em tantos momentos da vida, as pessoas que encontramos, as situações que passamos revelam o toque do Senhor antecipando nossas fraquezas ou nossas necessidades. Jesus nos ama tanto! Ele quer ter um encontro conosco. É preciso buscar o lugar onde Ele quer se encontrar conosco. Pode ser na Igreja, mas não pode ser uma única vez por semana ou como se fosse um ritual. Jesus quer se encontrar conosco, pode ser num canto da sala, um quarto fechado ou um banco numa praça pública. Mas, é o lugar onde você terá seu encontro com Jesus. É o lugar onde Ele falará com você. É muito importante que esse encontro com Ele seja diário. O ideal é que nós permaneçamos na presença Dele. Mas, se você nunca teve esse encontro, ou se faz tempo desde sua última vez na presença Dele, peça a Jesus uma oportunidade para conhecê-lo melhor. Ele está pronto. É só você pedir. O momento e a hora Ele mostrará. Lá você o verá.

CONCLUSÃO: Nós precisamos constantemente nos lembrar em Quem devemos acreditar. Não nas circunstâncias, nem nas situações à nossa volta. Precisamos nos lembrar do amor que salva, regenera e dá coragem. Ore e peça ao Senhor, nosso Rei, que conceda a cada servo e filho Dele coragem e convicção para obedecer, para construir e para servir em tudo que Ele chamar. Que os servos do Senhor não tenham medo mais. Que possam seguir adiante no caminho para o céu. Que possam perceber que Deus Pai, que é tão grande e poderoso, se preocupa com seres tão pecaminosos quanto nós. Jesus não só perdoou os discípulos, mas, os chamou de irmãos. Irmãos de Jesus, que honra! Precisamos saber que nosso Deus está à procura de seus filhos perdidos e que qualquer um que tenha fé nas promessas de Jesus pode ser um dos tais.

Fontes: Devocional “Jesus Disse”; Dicionário Bíblico ; Texto: “Não à omissão” – Rosângela Labre.

Mensagem pregada pela Prª Walquíria Paiva na Igreja do Evangelho Quadrangular do Parque Santa Tereza - Jandira/SP.

5 comentários:

Caminho no Amor disse...

Oi amadinha

Passando pra uma visitinha...
Maravilhoso blog...

Linda noite.

Sil Machado

Nat Viana disse...

Cantinho lindo e abençoado miguxa!
Bjs

ღ ღ ღ Vanderléia Silva ღ ღ ღ disse...

Olá querida, muito lindo e muito abençoado seu blog, Deus continue te abençoando!!!!
bjinhos e a paz do Senhor!

Liz disse...

Bom dia, Pra. Wal!
Hoje, antes de ir para o trabalho, resolvi passar por aqui, para ser edificada e para te desejar uma ótima semana!
Que Deus nos abençõe!
Bjs
Liz

Andressa Bragança disse...

Oi meu docinho. Vim te ver.
Amo amo.
Bjssss e saudades